Óleos saudáveis como o de oliva podem ajudar você a evitar aquela ânsia de comer ao longo do dia, dizem os especialistas

Seis-alimentos-para-melhorar-seu-metabolismo-e-ajudar-a-perder-peso Dra Georgia Machado Cirurgia Plástica em Fortaleza

Apesar de sabermos quais alimentos não devemos comer para perder peso, quais deles afinal são permitidos nesse caso? Aqui você vai encontrar seis super alimentos que não são apenas incrivelmente saudáveis, como também podem auxiliar na perdade de peso.

1. Amêndoas e outras oleaginosas
Ótimo para lanches, essas delícias constroem músculos e podem reduzir a ânsia por comida. Pule as salgadas, porque elas apenas te deixam estufado (a).

2. Espinafre e verduras folhosas
Elas são ridiculamente baixas em calorias, esses vegetais de superpotência foram descobertos como um meio de combate ao câncer, obesidade, doenças cardíacas e até osteoporose. Ricos em antioxidantes e vitaminas A, K, B e C.

3. Produtos à base de leite
Leite desnatado, iogurte ou queijos. Eles podem ser um aliado na luta contra a vontade de comer doces, ajudam a melhorar seu metabolismo e protegem seu corpo contra pressão alta e câncer.

4. Azeite
Acredite ou não, um pouco de óleo é bom para perder peso. O azeite é uma gordura saudável e, quando usado com moderação, pode ajudar você a se sentir saciado durante todo o dia.

5. O chocolate meio amargo
Esqueça o chocolate ao leite e dê uma mordida em um meio amargo. Uma pesquisa publicada no American Journal of Clinical Nutrition descobriu que os indivíduos que comiam chocolate escuro tiveram maior sensibilidade à insulina e menor resistência a ela, em comparação com aqueles que comiam quantidades iguais de chocolate branco.

6. Chá verde
Rico em antioxidantes, essa bebida saborosa também pode ajudar na perda de peso. Um estudo no Journal of Nutrition descobriu que as catequinas do chá verde aceleram a taxa metabólica do corpo.

Oferecimento:

Espaço Georgia Machado

Dra Georgia Machado, cirurgia plástica em Fortaleza, Diretora Técnica do Espaço Georgia Machado

Fonte: Relaxnews

Responda