Dra Georgia Machado PaisPai de primeira viagem pode criar vínculo com o bebê ao ajudar com tarefas

O bebê chegou e com ele muitas dúvidas, principalmente se o recém-chegado é o primeiro filho do casal. Mas, e agora? Quem faz o quê? Como o papai pode ajudar nas tarefas?

Se o pai pretende curtir cada momento e o primeiro ano de vida do filho (que passa rápido), a primeira dica é levantar do sofá, porque as tarefas são muitas e exigem atenção durante todo o tempo que estiver em casa.

O tempo que o casal passa na maternidade é valioso. Então, aproveite para descansar porque quando voltar para casa… A vida será outra, sem enfermeiras para ajudar.

Abaixo seguem algumas tarefas que nenhum papai deve deixar de fazer, afinal, além de colaborar ser muito importante, cada uma dessas atividades são fundamentais para formação do vínculo entre o pai e o bebê.

Trocar fralda

Essa tarefa é a mais básica e não precisa esperar o bebê nascer para aprendê-la. No hospital, se tiver dúvidas, consulte a enfermeira e tente estar presente quando ela for trocar a primeira fralda de seu filho. Para facilitar, veja o passo a passo de como trocar uma fralda:

*Tire as fitas adesivas da nova fralda e deixe-a pronta para usar

*Levante as perninhas do bebê e dobre a fralda usada e suja

*Passe um algodão com água morna para higienizá-lo, sempre de cima para baixo

*Jogue fora a fralda antiga e ponha a limpa embaixo dele

*Passe um creme contra assaduras nas dobrinhas

*Feche a fralda com as fitas de um jeito bem confortável, nem tão apertado, nem tão folgado, e pronto!

Dar banho

Dar banho no bebê pode ser uma delícia e uma oportunidade para se divertir com ele. Passados os receios iniciais, o pai percebe que é hora de tocar seu bebê, dar carinho e estreitar os vínculos com ele.

* Verifique sempre a temperatura da água. Introduza a parte interior do punho na água e veja se ela está morna, a água nunca deve queimar a pele. A temperatura recomendada é de cerca de 37°C. Deixe tudo preparado para manter o bebê quentinho após o banho.

*Antes de iniciar, organize-se. Não tenha pressa e programe o banho quando o bebê não estiver muito cansado, irritadiço ou com fome. Tenha em mãos tudo aquilo que vai precisar. Uma toalha grande com capuz, uma esponja suave, um gel de banho específico para bebês, uma fralda e roupa limpa. E esteja pronto para sorrir, conversar e até cantar uma canção para tornar o banho um momento mais divertido.

*Nunca deixe o bebê sozinho!

Embalar o bebê

Cante, converse, conte uma história, faça com que ele sinta que está seguro com você. Embalar o bebê vai te ajudar quando a mãe não estiver por perto, assim o pai vai conseguir cuidar do seu filho sozinho.

Acordar de madrugada

É a pior das tarefas para todos os pais. Levantar no meio da noite com choro dia após dia pode ser muito exaustivo, porém, faz parte do processo. O ideal é adotar uma divisão que funciona bem: das nove da noite às quatro da manhã, você levanta, troca a fralda, leva pra mamar no peito da mãe, faz o bebê arrotar e coloca de volta no berço. Depois das quatro, é a vez da mãe.

Não existe nenhuma tarefa que não mereça a atenção do pai. Valorize o auxílio dos avós e tenha sempre em mãos o telefone do pediatra. Quando surgirem dúvidas, procure um médico de confiança, ouvir o que ele diz é sempre mais seguro e vai te poupar tempo

Fonte: Baby Guide

Responda