Hoje, nós brasileiro (a) s temos amplo acesso a toda fonte de informação, um mundo onde a internet nos liga a todo o universo de conhecimentos.

A Obesidade, hoje considerada uma patologia de saúde pública, vem sendo objeto de discurso entre os principais países do mundo. Em uma pesquisa, bem recente, o ministério da saúde nos mostra que o Brasil gasta milhões de reais com as complicações oriundas da OBESIDADE, como por exemplo, a Hipertensão, a Diabetes, as Cardiopatias, as Sequelas de AVC, dentre outras.

Acreditamos que em um futuro bem próximo, o Brasil será compelido a fazer uma campanha contra a OBESIDADE, para que partes dessas complicações sejam evitadas.

No inicio de 2009, começou aqui no Brasil uma campanha contra o uso de ANFETAMINAS (FEMPROPOREX, ANFEPRAMONA, SIBUTRAMINA E OUTROS), drogas que eram usadas para fazer o controle de peso, só que muitos médicos usavam essas drogas de forma aleatória, administrando dosagem elevadas e com isso os pacientes poderiam ter complicações, mais somente no inicio de 2012, essas drogas foram tiradas de circulação pela ANVISA, com isso alguns médicos que faziam uso desses medicamentos corretamente, ficaram com dificuldades em gerenciar a perda de peso de seus pacientes,restando somente uma dessas substancias no mercado, a SIBUTRAMINA, que usada com segurança e responsabilidade ofertam aos seus usuários excelentes resultados.

Preocupado com os acontecimentos que viriam quando a ANVISA retirasse essas drogas do mercado, no mês de maio de 2010, comecei a estudar mais sobre a Obesidade e Gerenciamento de peso no Brasil, fazendo cursos, participando de Congressos internacionais, bem como Seminários e Encontros. Então desde 2010, venho acompanhando as evoluções de novas terapias com a utilização de HORMÔNIOS BIOIDÊNTICOS (testosterona, estradiol, GH, HCG e outros), que estão revolucionando com seus resultados simplesmente fantástico, sendo esta terapia liberada pela ANVISA, juntamente com outras drogas como a associação da BUPROPIONA + Naltrexona, topiramato e a liraglutida (Victosa)  e mais  as associações dos FITOTERÁPICOS, que são de grande valia como método coadjuvante de tratamento.

 

Antigamente essa tríade, DIETA + EXERCICIOS + ANOREXÍGENOS, era igual a um gerenciamento de peso ideal, mas hoje sabemos que isso era somente uma parte do problema, pois, os resultados variavam, muitas vezes os pacientes eliminavam peso, outros eliminavam pouco peso ou nenhum peso. Hoje, conhecemos a fisiologia clinica dos problemas que levam ao aumento de gordura anormal, tanto em homens como nas mulheres.

Para finalizar é bom que fique bem claro, que o sucesso do tratamento que hoje conseguimos obter em menor espaço de tempo, depende de uma sintonia, Medico-Paciente.

Assim, os pacientes que se submeterem à tratamento especifico,em torno de 4 meses, estarão com o seu peso corporal compatível e mais saudável.

Lembrando que o acúmulo de gordura anormal é prejudicial a saúde !!!

 

Dr. Rui Guilherme Nobre de Oliveira

CRM/CE 11.304  CRM/MA 2.117

Responda